(66) 3212-4700

SEMANA MUNDIAL DA AMAMENTAÇÃO

Hospital 13 de Maio realiza palestra sobre aleitamento materno.

Com o tema Agosto Dourado: juntos pela amamentação, o Hospital e Maternidade 13 de Maio promoveu uma palestra para enfatizar a importância do aleitamento materno.
Respeitando as medidas de segurança, o evento – realizado na recepção do hospital – foi destinado às profissionais da unidade hospitalar, às colaboradoras e gestantes interessadas. Por causa da pandemia, o número de participantes foi limitado.

O evento marcou a Semana Mundial da Amamentação (1° a 7 de agosto) que reforça a importância do leite materno para o desenvolvimento das crianças até dois anos e exclusivo até os seis meses de vida, orientação preconizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).
De acordo com enfermeira Mayara Meotti, que conduziu a palestra, o objetivo foi tirar dúvidas sobre o assunto. “Muitas mulheres, principalmente as de primeira viagem, querem saber mais sobre a pega correta, quando introduzir alimentos na dieta do bebê e os diversos benefícios do leite materno, entre outros assuntos”, explicou.
Entre as principais dificuldades para a amamentação exclusiva, atualmente, estão o posicionamento incorreto, insegurança quanto à quantidade de leite produzido, introdução de chupetas e mamadeiras, falta de apoio da família e retorno ao trabalho. Por este motivo, a campanha é um importante instrumento para sensibilizar a sociedade quanto aos benefícios do leite materno no desenvolvimento saudável da criança.


BENEFÍCIOS DO ALEITAMENTO – Com uma composição química bem balanceada, o leite materno é capaz de suprir as necessidades fisiológicas do bebê. Ele tem fácil digestão, mata a sede e provê a primeira proteção imunológica ao recém-nascido, ajudando a protegê-lo contra diarreias, inflamações no ouvido e doenças respiratórias. O ato de sugar também é um exercício importante para o desenvolvimento adequado da musculatura facial do bebê.

 

A mãe também tem vantagens ao optar por amamentar o seu bebê. Além do vínculo afetivo, a perda de peso ocorre mais facilmente, o útero retorna mais rapidamente ao tamanho normal, evitando a anemia pós-parto e há uma diminuição no risco de desenvolver diabetes.

 

Share This